Ampliação do Turismo em Sorocaba

Ampliação do Turismo em Sorocaba.

Acompanhando um pouco algumas das atividades da secretaria e do conselho de turismo de Sorocaba, tive acentuada percepção de que, entre as necessidades dessa área três se destacam; a premente necessidade de ampla divulgação, a necessidade da criação de atrações turísticas novas, e a de melhorar as atrações existentes.

Durante bom tempo eu vinha “resistindo” à vontade de externar ideias e propostas nessa importante área! Agora optei por as publicar neste site pessoal, com a intenção de as oferecer na forma de sugestões, em tentativa de colaborar com os integrantes da área.

Assim, ouso apresentar comentários e sugestões para apreciação e avaliação dos responsáveis.

a) Divulgação Turística de Sorocaba

Parece ser praticamente inexistente! Não tenho visto divulgações do turismo em nossa cidade, ao menos com o destaque merecido e necessário!

Já tive a oportunidade de constatar que, na “casa do turista”, apenas e somente quando os interessados à procuram distribuem alguns fôlders e informações verbais. Nada mais!

Creio que uma divulgação mais eficiente pode ser alcançada por meio da gravação de filme – vídeo – específico, de poucos minutos, divulgando os pontos que são ou podem ser transformados em atrações turísticas.

Com o filme pronto, enquanto não existirem “verbas” para divulgação intensa pela mídia especializada – TV, jornais e revistas -, cópias do vídeo produzido podem ser exibidas gratuitamente no YouTube, nos sites da Prefeitura e da Câmara Municipal, nos sites das muitas associações e entidades diversas da cidade, principalmente nos sites das empresas comerciais de turismo, nos sites de empresas industriais e comerciais da cidade, que tem, todas, interesse em atrair visitantes à cidade, e outros similares. Tais divulgações com certeza serão feitas sem custo algum!

Se bem dirigidas, e seguramente executadas com qualidade profissional bem escolhida, essas providências – de gravar o filme/vídeo – terão custo reduzido, muito inferior ao que geralmente estão acostumados a pagar para empresas “de grife”!

Como experiência, há poucos meses fiz consultas à esse respeito, com profissionais experientes, e confirmei situações e condições que permitirão executar essa tarefa com custos bastante baixos, nas mãos de profissionais experientes e competentes.

b) Pontos de atração turísticas

Hoje em número reduzido – aliás reduzidíssimo -, as nossas “atrações turísticas” já existentes podem e devem ser melhoradas, tornando-as “mais agradáveis e atraentes”, igualmente com custos reduzidos, se as modificações forem orientadas e executadas por profissionais bem escolhidos. Além disso, existem várias empresas do nosso parque industrial que podem ser exibidas e apresentadas como atrativos turísticos alternativos, bem como alguns pontos diferenciados.

c) Ampliação de pontos turísticos

Pensando em ampliações, para conseguir novas atrações turísticas, uma sugestão surge de imediato, principalmente considerando o grande – enorme – sucesso conseguido por meio dos passeios oferecidos em finais de ano – a exemplo de dezembro passado, de 2018 – pelo “trenzinho” da ACSO – Associação Comercial de Sorocaba, e, nos últimos meses, pelos passeios férreos ofertados pela prefeitura, usando a locomotiva “Maria Fumaça” e um “vagão” de passageiros, em curtíssimo trecho da tradicional estrada de ferro Sorocaba-Votorantim, ousamos sugerir a possibilidade que segue.

Alguns “vagões” de passageiros, a “Maria Fumaça” e a “linha” da estrada de ferro Sorocaba-Votorantim podem ser melhorados, com a recuperação dos seus trilhos e também do seu entorno, ajardinando e enfeitando todo o percurso entre as duas cidades e, principalmente, fazendo a recuperação das duas estações terminais, e das intermediárias, de forma que, além dos serviços de passagens, embarques e desembarques, sejam transformadas em locais agradáveis e atraentes para passeios, descanso e lazer, com ajardinamentos, bons sanitários e atrativas comercializações de alimentos e produtos turísticos, transformando as “viagens” e “paradas” nas estações em atrações turísticas, além do transporte normal entre as duas cidades.

E, opções adicionais podem ser pensadas, havendo espaço, como a adição de outros atrativos nas “estações”, a exemplo de pequenas bibliotecas e/ou livrarias, oferecendo leituras no local, e outros atrativos que se tornem simpáticos e atraentes, principalmente culturais e folclóricos.

Ainda; talvez essa realização possa acontecer em parceria com o Município de Votorantim e, quem sabe, com a participação das Indústrias Votorantim!

d) Essas atividades “não são novidades”!

Deve ser lembrado que o nostálgico uso de trens como atração turística “não é novidade“! São diversas as cidades que os usam como acentuado atrativo turístico, além do transporte rotineiro, a exemplo de; a) Curitiba, PR, à Morretes, antes até Paranaguá, vislumbrando a Serra do Mar, b) Passa Quatro, MG, que percorre a Serra da Mantiqueira, c) Estação da Luz, em São Paulo, passando por Jundiaí, Mogi das Cruzes e Paranapiacaba, d) São Lourenço, em MG, até Soledad de Minas, esta, e outras viagens, também apresentando shows ao vivo durante o percurso, e diversas outras, todas mantendo sucesso há muito tempo.

É certo que muitas outras providências podem ser estudadas e executadas, principalmente eventos e realizações culturais.

A “pretensão” é a de que esse assunto e propostas tenham avaliação dos nossos dirigentes municipais, entre outros diversos que podem ser estudados.

Paulo Dirceu Dias
paulodias@pdias.com.br
Sorocaba – SP

Fevereiro 2019